Morre Breno Silveira, diretor de 2 Filhos de Francisco e DOM

Posted on

Cineasta tinha 58 anos e estava em Pernambuco filmando seu próximo filme com Fernanda Montenegro.

O diretor e fotógrafo Breno Silveira morreu neste sábado (14), aos 58 anos. Conhecido pela série DOM e por filmes como 2 Filhos de Francisco e Gonzaga – De Pai para Filho, o cineasta sofreu um infarto fulminante durante as filmagens de Dona Vitória, seu novo longa-metragem estrelado por Fernanda Montenegro. As filmagens ocorreram no município de Limoeiro, em Pernambuco. O velório será amanhã (15), no Rio de Janeiro.

Nascido em Brasília em 5 de fevereiro de 1964, Breno formou-se na École nationale supérieure Louis-Lumière, em Paris, e iniciou sua carreira como diretor de fotografia em Carlota Joaquina (1995), de Carla Camurati. Sócio da produtora Conspiração Filmes desde 1996, assinou também a fotografia de Eu Tu Eles (2000), de Andrucha Waddington – trabalho que lhe rendeu uma estatueta no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro.

Ao longo de sua carreira, participou de mais de 20 filmes como assistente ou como diretor de fotografia, sempre trazendo um traço autoral. Dirigiu diversas campanhas publicitárias para TV, além de videoclipes de artistas como Marisa Monte e O Rappa – que lhe renderam inúmeras indicações ao MTV Video Music Brasil e seis vitórias.

Em 2001, realizou o documentário Mar sem Fim, que retrata a jornada do brasileiro Amyr Klink durante o projeto Antártica 360º, uma das maiores expedições marítimas solo. Estreou na direção em um longa ficcional com 2 Filhos de Francisco (2005), que conta a história da dupla sertaneja Zezé di Camargo e Luciano.

A produção mais assistida no Brasil naquele ano, levou mais de cinco milhões de espectadores aos cinemas e ganhou quatro troféus no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – Melhor Ator (ngelo Antônio), Melhor Ator Coadjuvante (José Dumont), Melhor Atriz Coadjuvante (Paloma Duarte) ) e Melhor Som. Além disso, foi a indicação nacional ao Oscar 2006 de Melhor Filme Internacional.

Em 2008, Breno dirigiu Era Uma Vez, novela ambientada no Rio de Janeiro e estrelada por Thiago Martins e Vitória Frate. A obra foi selecionada para o Festival de Cinema de Toronto. Em 2012, lançou À Beira do Caminho, road movie vencedor de cinco prêmios no Festival Audiovisual CINE-PE. No mesmo ano, dirigiu o Gonzaga-De Pai pra Filho, inspirado na biografia dos cantores Luiz Gonzaga e Gonzaguinha.

Em 2016, foi responsável por Entre Irmãs, que teve Marjorie Estiano e Nanda Costa nos papéis principais e que recebeu seis indicações ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro.

Em 2021, Breno atuou como showrunner e diretor de DOM, série original da Amazon Prime Video cuja 2ª temporada não só está confirmada, mas em pós-produção, prevista para estrear no segundo semestre de 2022. Encabeçado por Gabriel Leone, o elenco inclui nomes como Flávio Tolezani, Isabella Santoni, Raquel Villar e Filipe Bragança.

Mais recentemente, o cineasta trabalhou em Dona Vitória, que marca o retorno de Fernanda Montenegro às telonas, após anos dedicados à TV. O projeto começou a ser filmado no dia 1º de maio, no Rio de Janeiro, e seguiu para Pernambuco. Ainda não há informações sobre o futuro do filme.